13/01/2011

Itaituba: SINE: instrumento de apoio às pessoas desempregadas em Itaituba

at 14:41  | 


A agência do Sistema Nacional de Emprego (SINE) está de casa nova, depois de funcionar vários anos em um pequeno espaço na Semdas. Em cumprimento ao convênio entre estado e município que requer conforto, espaço e comodidade ao órgão, o prefeito Valmir Clímaco, determinou o funcionamento do mesmo no antigo prédio do IPMI, onde agora ocupa amplo espaço dividido por várias salas.

De acordo com a diretora da agência do SINE, Nara Lauseane, era necessária essa mudança, tendo em vista que o atendimento é de demanda elevada já que o setor não cumpre apenas função de colocar pessoas desempregadas no mercado de trabalho, mas também de promover cursos de qualificações.

Nara Lauseane elenca as inovações implementadas no SINE não apenas no novo prédio cuja inauguração ocorreu no final do ano, mas também os equipamentos do prédio, onde disse que em uma de suas viagens a Belém conseguiu convencer o Sine estadual da necessidade de melhores condições de trabalho, o que resultou no envio de todos os móveis, computadores, suprimentos e outros materiais.

Quanto ao município, a diretora ressalta que a contrapartida é expressiva ficando o mesmo responsável pelo quadro de funcionários, espaço físico e demais despesas necessárias ao seu funcionamento, inclusive combustível.

Outra mudança efetuada pela diretora e que antes até comprometia a eficiência do Sine, é a não necessidade de se deixar currículos já que o próprio cadastro oficial usado pela insitutição já substitui o currículo contemplando todas as informações necessárias ao serem enviadas as empresas. No processo vertiginoso do SINE, Nara mostra em números explicando que mensalmente ali são feitos entre duzentos a trezentos cadastros, estando atualmente o órgão com 20.243 pessoas inscritas, aguardando uma oportunidade de voltar ao mercado.

120 CURSOS DE QUALIFICAÇÃO PARA 2011

Além da função de cadastrar e abastecer as empresas com mão de obra, o Sine conta com dois programas importantes que ajudam a fomentar e aquecer o mercado local, sendo eles, o Plano Nacional Técnico de Qualificação (PLANTEC), onde em parceria com a Comissão Municipal de Emprego promove cursos profissionalizantes, que este ano vai trazer 120 cursos, entre eles, armador de ferro, mecânico de motos, chapeiro (supermercado) e operador de máquinas pesadas. Nara enfatiza que todos os cursos solicitados são dentro da necessidade do mercado de Itaituba e região.

O outro Programa é o Bolsa Trabalho que atualmente conta com 500 cadastrados, cada um recebendo setenta reais por mês (na faixa de idade entre 18 a 29 anos), enquanto não retorna o mercado de trabalho. Para 2011 a diretora traçou meta de efetuar mais mil cadastrados e solicitar cursos de qualificação profissional.

Ultimamente quem vem absorvendo mão de obra são as empresas terceirizadas que executam obras nas BRs 230/163 e a construção civil com as casas do projeto Minha Casa Minha vida e dos altos investimentos que vêm sendo feitos no mercado imobiliário local.

MAIS DE DOIS MILHÕES DO SEGURO DESEMPREGO-

De 2010 até Março de 2011, Itaituba vai ganhar reforço em sua economia com o pagamento do seguro desemprego aos pescadores artesanais onde somando quatro salários a serem pagos para cada um, Itaituba é beneficiada com dois milhões quatrocentos mil e duzentos reais, o que representa muito nesse inicio de ano e que tem ao gerenciamento do Sine no processo para garantir o repasse aos pescadores artesanais.

Share
, Postado Por: Portal Buré
Administrador do Portal Buré

Anderson Tadeu Pantoja..

© 2013 Portal Buré. Woo Themes converted by BloggerTheme9
Editado Por: Beto Paranatinga.